Equipe

ilza.girardi@ufrgs.br
Lattes

Ilza Maria Tourinho Girardi

Coordenadora

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade de São Paulo (2001), Mestra em Comunicação pela Universidade Metodista de São Paulo (1988) e graduada em Comunicação Social – habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1975). É professora titular do Departamento de Comunicação da UFRGS e participa como docente-pesquisadora no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da mesma universidade. Atua na área da comunicação e sua interface com cidadania, educação ambiental e jornalismo ambiental.

eloisa.beling@gmail.com
Lattes

Eloisa Beling Loose

Vice-coordenadora

Doutora pelo programa interdisciplinar em Meio Ambiente e Desenvolvimento da Universidade Federal do Paraná (2016). É mestra em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2010) e graduada em Comunicação Social – habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Maria (2007). Realizou estágio doutoral na Universidade do Minho, sob a orientação de Anabela Carvalho (2014). Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Jornalismo Especializado (Científico e Ambiental), atuando principalmente nos seguintes temas: jornalismo ambiental, jornalismo científico, discursos, sentidos, revistas especializadas e aspectos da interface entre meio ambiente e comunicação. Atualmente desenvolve pesquisa nas áreas de jornalismo, mudanças climáticas, governança e percepção de riscos.

Cláudia Herte de Moraes

Doutora em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2015), mestra em Ciências da Comunicação e graduada em Jornalismo pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Realizou MBA em Gestão das Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação na Educação na PUCRS. É professora do Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria – Campus Frederico Westphalen. Tem experiência na área de Comunicação, com ênfase em Jornalismo e Editoração, atuando principalmente nos seguintes temas: jornalismo ambiental, discurso jornalístico, teoria e ética do jornalismo, jornalismo impresso, ensino e formação do jornalista, comunicação científica, assessoria de imprensa.

Noêmia Félix da Silva

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação de Comunicação e Sociedade da Universidade de Brasília (2017) com pesquisa sobre o Desenvolvimento Sustentável e jornalismo. É mestra em Comunicação pelo mesmo programa da UnB (2005) com pesquisa em Comunicação e Política. Graduada em Comunicação Social – habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás (1998). Docente de jornalismo científico e meio ambiente da Pontifícia Universidade Católica de Goiás. Atuou profissionalmente no jornalismo impresso com ênfase em Jornalismo Especializado, e também na área de Comunicação Institucional. Pesquisa sobre comunicação e política, jornalismo e meio ambiente, análise de discurso. Atualmente desenvolve pesquisa nas áreas de jornalismo e meio ambiente, com enfoque em desenvolvimento sustentável.

Reges Toni Schwaab 

Doutor em Comunicação e Informação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2011), com estágio de doutoramento na Universidade Nova de Lisboa, Portugal. Mestre pelo mesmo programa (2007). Graduado em Jornalismo pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (2002). É professor do Departamento de Ciências da Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria – Campus Frederico Westphalen e do Programa de Pós-Graduação em Comunicação.

Rogelio Fernández-Reyes

Doutor em jornalismo pela Universidade de Sevilha e pela Universidade Pablo de Olavide. Rogelio Fernandéz-Reyes, trabalha com jornalismo ambiental, a comunicação das mudanças climáticas e a comunicação de alternativas socioambientais. Também é membro do grupo de investigação MDCS da Universidade Complutense de Madrid e do grupo GREHCCO da Universidade de Sevilha. Tem ainda diploma de Estudios Avanzados por la Universidad Internacional de Andalucía. Sua tese de doutorado analisou o tratamento jornalístico del vertido de Aznalcóllar y el cambio climático en editoriales de prensa.. Recebeu o Premio Extraordinario de Doctorado por la Universidad Pablo de Olavide, curso 2009/2010 . Participou do Proyecto I+D: El discurso hegemónico de los media sobre el Cambio Climático (Riesgo, Incertidumbre y Conflicto) y prueba experimental con discursos alternativos entre jóvenes con el grupo de investigación MDCS