Jornadas PPGCOM/UFRGS: o papel do jornalista diante dos conflitos ambientais

logo_ppgcom

O Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGCOM/UFRGS), a linha de pesquisa em Jornalismo e Processos Editoriais e o Grupo de Pesquisa em Jornalismo Ambiental (CNPq/UFRGS) realizam, nos dias 16 e 17 de junho de 2016, jornada de estudos com o tema Jornalismo e Conflitos Ambientais. O evento ocorre no Auditório 1 da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da UFRGS (Rua Ramiro Barcelos, 2705, Campus Saúde, Bairro Santana, Porto Alegre-RS). As inscrições, gratuitas, podem ser realizadas neste formulário.

Por meio de uma abordagem multidisciplinar, o encontro debate o papel social do Jornalismo para a democracia, considerando-o como um dos agentes no processo de comunicação de riscos e na cobertura dos conflitos ambientais. Entre os palestrantes confirmados, estão a repórter Jessica Mota, da Agência Pública, o pesquisador uruguaio e jornalista independente Victor Bacchetta, o professor Felipe Milanez, da Universidade Federal do Recôncavo Baiano e colunista da revista Carta Capital, além de pesquisadores da Universidade Federal de Santa Maria e UFRGS.

Os temas em discussão envolvem a conduta dos jornalistas e o interesse público frente aos conflitos ambientais, as especificidades teóricas do conceito de conflito ambiental e os dilemas acerca da mineração após o desastre ocorrido em Mariana (MG) no ano passado. Confira a programação completa a seguir. Para mais informações, entre em contato com a organização pela página do grupo no Facebook ou pelo e-mail pesquisajornalismoambiental@gmail.com

O Grupo de Pesquisa em Jornalismo Ambiental UFRGS/CNPq é coordenado pela professora titular da FABICO e do PPGCOM/UFRGS e Doutora em Comunicação Ilza Maria Tourinho Girardi. O grupo é responsável pela organização de eventos acadêmicos como o Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo Ambiental, cujas edições mais recentes ocorreram em Porto Alegre no ano de 2014 e em São Paulo, em 2015.

Programação Completa, clique a seguir.

Dia 16/06 (quinta-feira)

[8h30 – 9h] Abertura oficial

[9h – 12h] Jornalismo e violações aos indígenas e ao meio ambiente

Convidada: Jornalista Jessica Mota (Agência Pública)

Mediação: Prof. Dr. Reges Schwaab (UFSM, vice-líder do grupo de Pesquisa em Jornalismo Ambiental)

INTERVALO ALMOÇO

[14h – 15h30h]  As especificidades do conflito ambiental

Gitana Cardoso da Silveira Nebel (doutoranda PGDR/UFRGS)

Prof. Dr. Rualdo Menegat (Instituto de Geociências/UFRGS)

Mediação: Prof. Dr. Rudimar Baldissera (PPGCOM/UFRGS)

 

[16h – 17h30h] O jornalismo diante do conflito

Profa. Dra. Marcia Amaral (UFSM)

Jornalista Marco Weissheimer (Sul 21)

Mediação: Profa. Dra. Marcia Benetti (PPGCOM/UFRGS)

 

Dia 17/06 (sexta-feira)

[9h – 12h] Mesa 4: O dilema da mineração: e depois de Mariana(MG)?

Jornalista Vitor Baccheta (Uruguai)

Anselmo Chizenga (doutorando PPGS/UFRGS)

Mediação: Profa. Dra. Ilza Girardi (PPGCOM/UFRGS, líder do Grupo de Pesquisa Jornalismo Ambiental)

INTERVALO ALMOÇO

[14h – 15h30h] Jornalismo e interesse público frente aos conflitos ambientais

Profa. Dra. Claudia Herte de Moraes (UFSM/ Grupo de Pesquisa em Jornalismo Ambiental)

Prof. Dr. Carlos André Echenique Dominguez (UFPel)

Dr. Basilio Sartor (UFRGS)

Mediação: Profa. Dra. Virginia Fonseca (PPGCOM/UFRGS)

[16h – 18h] Notícias do front: a cobertura ambiental a partir dos conflitos

Prof. Dr. Felipe Milanez (Univ. Federal do Recôncavo da Bahia)

Mediação: Profa. Dra. Christa Berger (UNISINOS)

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s